Cradle to Cradle – Cradle to Cradle Desain


Yang "cradle to cradle" itu bukan kalimat tidak sangat mencerahkan tapi mengandung sebuah konsep besar, primer, yang berlaku dan mendasar dalam arus kali.

Dengan semua kata sifat yang mendahului, tidak ingin mengatakan, Namun, yang mudah untuk menerapkan. Tidak ketika pencarian adalah semata-mata demi keuntungan jangka pendek dan jika visi direksi adalah terlihat pendek.

Itu adalah sebuah konsep yang dikembangkan oleh William McDonough dan Michael Braungart, yang pertama adalah seorang arsitek dan yang kedua adalah seorang insinyur kimia, jika anda tidak berada dalam kesalahan memori.

O conceito trata do desenho (Proyek) de produtos e dos respectivos processos produtivos, de modo que todas as partes (componentes e matérias primas) envolvidas na produção desses produtos possam ser totalmente reutilizadas em novos processos produtivos, depois que estes produtos forem descartados.

Cabe esclarecer que não se deve confundir este conceito com reciclagem. É bastante diferente.

Um exemplo típico de reciclagem é o do papel. Após sua utilização (por exemplo de folhas brancas), a reciclagem do papel, no caso ótimo de economia de recursos e energia, irá produzir um papel de qualidade inferior e, talvez, meio pardo ou amarelado, misalnya.

Yaitu, o produto gerado na reciclagem demandou reprocessamento, consumo de energia e recursos, e o resultado foi um produto inferior ao original.

No conceito do berço ao berço (cradle to cradle design), o reprocessamento do produto descartado irá criar um novo produto de qualidade igual ou superior ao original. Isto não quer dizer que seja para a mesma aplicação ou para o mesmo mercado.

Sebagai tambahan, existe toda uma preocupação para que o processo de produção e as matérias-primas utilizadas sejam ecologicamente corretas e efetivas.

Quando o sistema estiver funcionando o círculo produtivo (produção – descarte - produção) maximiza o valor agregado sem prejudicar o ecossistema.

Alguns exemplos da aplicação deste conceito:

Lixo igual a comida.

Estranho? Mas imagine um produto que depois de utilizado pode ser descartado e com um mínimo de processamento pode se tornar, misalnya, em fertilizante. Logo ele estará realimentando a cadeia em uma função nobre, utilizado para agricultura e geração de alimentos.

Outro exemplo, embora não muito agradável à primeira vista, em vez de utilizar só fibras naturais de algodão, na industria têxtil, cuja produção, do algodão, demanda uso intensivo de pesticidas, porque não utilizar fibras inteligentes biodegradáveis ou fibras que possam permitir o reprocessamento total, gerando novos têxteis, com novas cores ou aplicações.

Outros exemplos:

O governo chinês está construindo diversas cidades utilizando o conceito do berço ao berço (C2C Model). Se a China fosse construir todas as novas cidades de acordo com a tecnologia convencional, provavelmente não existiria cimento nem tijolo, no mundo, suficiente para atender sua demanda.

A Nike já tem um sapato/tênis desenvolvido segundo o conceito C2C.

Algumas críticas sobre o modelo:

Em pesquisa na Internet, observamos que a MBDC, link abaixo, empresa do McDonough e Braungart, mantem exclusividade na certificação do modelo C2C.

O que por um lado restringe a expansão da acreditação e validação do sistema, por outro lado, mantém a credibilidade e confiabilidade, de quem possuir o certificado.

Como se sabe, e é, hari ini, um lugar-comum, dizer que qualidade não é mais um diferencial, e sim, é uma condição básica para concorrer no mercado.

Namun, isto retrata a realidade de que todos estão produzindo, secara global, com a mesma qualidade?

Será um posicionamento de marketing?

Perguntas que deixaremos sem resposta.

Anos atrás, escrevemos um artigo sobre a proliferação de certificados 9000 (qualidade), 140000 (ambiental), a “complexidade” da Sarbanes-Oxley (a famosa SOX), o acordo de Basiléia II (bancos), e isso não evitou a crise de 2008, a crise mundial financeira!

O que falta é ética, valores, transparansi, responsabilidade e vontade de corrigir décadas de desvio dos valores morais e sociais, e educação e princípios básicos de convivência comunitária e respeitosa.

Itu, não tem certificado nenhum que vai concertar isso!

Referências:

Sobre o “Cradle to Cradle Design”:

http://en.wikipedia.org/wiki/Cradle_to_Cradle

http://www.mbdc.com/